sábado, 19 de fevereiro de 2011

Para comemorar: o novo governo do Pará quer reativar unidades do Projeto Navegar

Canoístas do Projeto Navegar de Soure, na Ilha do Marajó. Iniciativa do velejador Lars Grael, quando foi secretário Nacional de Esportes, a iniciativa (inspirada no Projeto Grael) sobrevive graças ao esforço de lideranças esportivas e comunitárias locais. Foto de Axel Grael.

Seel promove reunião com federações nesta sexta-feira
Da Redação. Agência Pará


A Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel) vai coordenar uma reunião de trabalho que acontece nesta sexta-feira (18), a partir das 18h, na sede da Federação Paraense de Futebol. A expectativa é que quarenta representantes das federações compareçam ao evento. O secretário-adjunto da Seel, Christian Costa quer debater com as federações os novos modelos de gestão para o esporte no Pará, assim como as possíveis mudanças nas regras para indicações de atletas ao Programa Bolsa Talento, que atualmente mantém 135 nomes com custo mensal de R$ 180 mil.

"Queremos debater as mudanças em grupo. Cada federação terá seu momento para apresentar sugestões e idéias. Não temos nada definido ainda, vamos construir um nono modelo baseado na administração compartilhada", disse o secretário-adjunto, que deverá aproveitar o momento para anunciar os resultados do encontro realizado no Comitê Olímpico Brasileiro (COB), ocorrido na última quarta-feira (16), no Rio de Janeiro.

Além dos debates com as federações, a Seel também está finalizando os preparativos para o 11º baile de carnaval do projeto Vida Ativa na Terceira Idade, programado para o dia 3 de março no salão de festas da sede campestre da Assembleia Paraense, na avenida Almirante Barroso. A previsão é de que seis mil pessoas prestigiem o evento, já considerado um encontro tradicional das entidades que desenvolvem as políticas sociais de atenção à pessoa idosa. Durante o baile será eleita a Rainha das Rainhas do Carnaval da Melhor Idade.

A diretora de eventos da Seel, Ana Júlia Chermont, e o coordenador do projeto, professor Fernando Oliveira, promoveram uma reunião com representantes de clubes e entidades envolvidas no projeto, na tarde desta quinta-feira (17). A ideia é organizar um dos maiores bailes da história do projeto Vida Ativa, que além da prática esportiva, promove ações de interação social. "A reunião foi positiva e contou com a participação de 21 entidades que atendem os idosos de Belém, Castanhal, Colares, Barcarena, Marituba e Ananindeua", explicou Ana Júlia Chermont.

Mudança - Ainda na linha de mudanças, a Seel estuda um novo formato para administração do projeto Navegar, de prática de remo, vela e canoagem. A professora Suzete Montalvão quer repassar os barcos em sistema convênio para associações que trabalhem a filosofia do projeto, baseado no respeito ao meio ambiente e reforço escolar. As primeiras experiências já foram acordadas com o município de São Sebastião da Boa Vista, na ilha de Marajó, e com a colônia de pescadores da Baía do Sol, na ilha de Mosqueiro.

O projeto Navegar foi criado pelo iatista Lars Grael e fez muito sucesso nos rios paraenses. Antes de ser abandonado pela gestão passada, contava com seis núcleos de funcionamento nos municípios de Soure, Senador José Porfírio, Santarém, São Domingo do Capim e Tucuruí.
Ascom Seel

Fonte: Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.