terça-feira, 28 de maio de 2013

Desembargadora Maria Collares vai receber título de cidadã niteroiense

Dra Maria Collares - Minha opinião

A homenagem do vereador Leonardo Giordano à desembargadora Maria Collares é mais do que merecida. Dra. Collares é uma pessoa especial, que merece a admiração de todos e é uma honra para Niterói tê-la como cidadã.

O título de cidadã lhe cai bem: com Justiça! Cidadania é o que ela pratica exemplarmente.

Lembro-me das muitas vezes que a tivemos ao nosso lado em debates, discussões e até panfletagens em campanhas ambientalistas em defesa da Serra da Tiririca, das lagoas de Piratininga e Itaipu e tantas outras lutas em defesa do meio ambiente e da cidadania em Niterói.

Jamais me esquecerei da ocasião, já passados alguns anos, em que eu estava com vários colegas de militância ambientalista panfletando no Trevo de Piratininga em defesa da Serra da Tiririca e tínhamos ao nosso lado a então juíza Collares. Mesmo que, naquela ocasião, não vestisse a toga mas a camisa de cidadã, tê-la ao nosso lado, com toda a sua autoridade, reforçava ainda mais a certeza da importância e da responsabilidade da causa que defendíamos.

Dra Collares é mesmo um patrimônio de Niterói. Faltava apenas que isso fosse oficializado.

Parabéns pela iniciativa, vereador Leonardo Giordano.

Axel Grael

-----------------------------------------------------------------------------

Desembargadora Maria Collares vai receber título de cidadã niteroiense



No próximo dia 7 de junho, o vereador Leonardo Giordano (PT) oferecerá o título de cidadã niteroiense à desembargadora Maria Collares Felipe da Conceição. Nascida em Ubá (MG), Collares veio ao Rio de Janeiro desempenhando o ofício de defensora pública em diversos municípios do interior do nosso estado, defendendo o direito ambiental como um sistema integrado entre o homem em seus diferentes aspectos físicos, químicos e biológicos - harm...onicamente. De acordo com a desembargadora, quando há rompimento deste elo, ocorre risco à sobrevivência da atual e de futuras gerações do planeta. Com esta filosofia, ela trabalhou incessantemente para que fosse criada uma vara ambiental na Comarca do Rio de Janeiro.

Conhecida carinhosamente como “desembargadora verde”, ao criar o Fórum Permanente de Direito Ambiental da Escola Superior de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro, a professora universitária de direito ambiental da Universidade Estácio de Sá, Maria Collares, deu passos importantes, promovendo palestras, seminários e encontros com autoridades científicas do meio ambiente - professores universitários, cientistas de diversas instituições de pesquisa, como a Fundação Osvaldo Cruz, juristas do Rio e de outros estados, e de autoridades científicas internacionais, como o Mercado Comum Europeu. A grande paixão de Collares é a Serra da Tiririca - bioma da Mata Atlântica -, onde participa de trilhas e coopera com o plantio de mudas.

A sociedade niteroiense e o meio jurídico do estado do Rio de Janeiro reconhecem, na desembargadora que criou raízes em Niterói, uma de suas grandes joias.

Na solenidade, estarão presentes a defensora Titular do Núcleo de Terras e Habitação do Rio de Janeiro, Maria Lúcia de Pontes, o ex-presidente da OAB e atual presidente da Comissão Estadual da Verdade, Wadih Damous, o presidentes da OAB Niterói, Antonio José Barbosa da Silva, da OAB Rio de Janeiro, Felipe Santa Cruz, o presidente da Comissão Municipal da Verdade, Fernando Dias, o desembargador Fábio Dutra, vice-presidente do Fórum Permanente de Direito Ambiental do estado do Rio de Janeiro, o reitor da UFF, Roberto Sales, a presidente do Tribunal de Justiça, a Desembargadora Leila Maria Carrilo Cavalcante Ribeiro Mariano, além de representantes de instituições como o Instituto de Estado de Ambiente e da Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (Emerj). O prefeito Rodrigo Neves e demais autoridades municipais também foram convidados.


Serviço

Desembargadora Maria Collares, cidadã niteroiense
Onde: Câmara Municipal de Niterói – Av. Ernani Amaral Peixoto, 625, Centro – Niterói (RJ).
Quando: Sexta-feira (7), às 18h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.