quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

COPA BRASIL DE VELA: Niterói sedia o primeiro evento de classes olímpicas de 2014


COMPETIÇÃO COM OS MELHORES VELEJADORES DO BRASIL E ATLETAS ESTRANGEIROS OCORRERÁ NA PRAIA DE SÃO FRANCISCO, EM NITERÓI.

Praia do Saco de São Francisco, onde começa hoje a ser montado a infraestrutura para receber os principais atletas da vela nacional.

COPA BRASIL DE VELA, 4 a 11 de janeiro, Praia de São FranciscoPromoção: Confederação Brasileira de Vela (CBVela) e Prefeitura de Niterói, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer.

Data: 4 a 11 de janeiro de 2014

Local: os barcos ficarão numa base a ser montada na Praia de São Francisco.

Inovação: A COPA BRASIL DE VELA é uma inovação da CBVela, concebida pelo técnico da Equipe Olímpica Brasileira de Vela, Torben Grael. A competição reunirá os principais velejadores de todas as classes olímpicas e será utilizada para que o técnico observe a atuação dos atletas visando a futura definição dos nomes que representarão o Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

São esperados 150 barcos, com cerca de 300 participantes, de vários estados brasileiros e do exterior. O evento terá a participação de velejadores do Projeto Grael ajudando na organização.

Axel Grael

------------------------------------------



Competição, que será válida como Campeonato Brasileiro de classes Olímpicas, será disputada de 4 a 11 de janeiro em São Francisco e contará com grandes nomes do iatismo nacional

Entre os dias 4 e 11 de janeiro a cidade de Niterói irá sediar o primeiro grande evento da vela olímpica de 2014: a Copa Brasil de Vela, válida como Campeonato Brasileiro de Classes Olímpicas. O evento, que reunirá grandes nomes do iatismo nacional como Robert Scheidt, Bruno Prada, Jorge Zarif e Isabel Swan, busca resgatar o glamour dos festivais de vela dos anos 80, quando diversas classes se reuniam em um único evento. São esperados cerca de 300 velejadores das dez classes olímpicas: Laser Radial e Standard, 470 masculino e feminino, RS:X masculino e feminino, 49er, 49er FX, Finn e Nacra 17, que se reunirão pertinho do público, na praia de São Francisco.
 
A ideia da Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é que o desempenho dos velejadores na Copa Brasil seja o principal critério para definir a equipe que irá representar o país no Mundial de Santander. O evento na cidade espanhola irá definir metade das vagas dos Jogos Olímpicos do Rio 2016. Vale ressaltar que o Brasil já tem vaga garantida em todas as modalidades. Em Niterói os velejadores serão observados por uma comissão técnica, que irá avaliar seu perfil e desempenho durante as regatas.

Torben Grael, coordenador técnico da Equipe Brasileira de Vela.

“É importante incentivar os velejadores a entrarem nas classes olímpicas. Com eventos como estes faremos um trabalho a longo prazo, já que não se forma um campeão em dois ou três anos”, disse Torben Grael, Coordenador Técnico da equipe brasileira. Apesar de ser um modelo novo de competição, atletas com grande experiência internacional se dizem bastante satisfeitos com a novidade.

“Este é um modelo bem interessante de competição, que já é usado em outros países há algum tempo. Acredito que desta forma mais velejadores estarão na água, deixando a disputa mais emocionante”, diz Jorginho Zarif, da classe Finn.

Jorge Zariff.

Além dos brasileiros, velejadores da Grã Bretanha, Estados Unidos e Israel também confirmaram presença no evento.

E enquanto a competição rola dentro d’água, a vila da regata estará agitada com uma série de atividades culturais e esportivas abertas para o público. Além da vela, também haverá competições de Stand Up Paddle, canoagem e remo, dentre outras. Na praia haverá também uma estrutura para área de convivência dos velejadores, bem como um palco para atrações musicais que se estenderão ao longo da competição.

Até 2016 a cidade de Niterói e a baía de Guanabara serão palco da Copa Brasil de Vela. A partir de 2017 o evento passa a rodar o país. A Copa Brasil de Vela tem organização da CBVela e da Prefeitura de Niterói e conta com o patrocínio do Bradesco e das Águas de Niterói.

Fonte: CBVela

----------------------------------------

Realização:




Patrocinadores:





Apoio:

Neltur
Empresas do Polo Gastronômico de São Francisco e Charitas
Projeto Grael
Rio Yacht Club
Clube Naval Charitas
Iate Clube Brasileiro
Praia Clube São Francisco
Jurujuba Iate Clube

-------------------------------------------

Saiba mais sobre a COPA BRASIL DE VELA em:
COPA BRASIL DE VELA: em janeiro, Niterói receberá elite da vela na Praia de São Francisco
Bons ventos trazem esportistas para Niterói

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.