terça-feira, 26 de agosto de 2014

Preventório ganha espaço voltado para inclusão digital e capacitação


Rodrigo Neves comemorou a inauguração do Centro, mais um local que oferece cursos para a comunidade.Foto:divulgação / Bruno Eduardo Alves

Uma das salas do Centro conta com equipamentos para a confecção de pães.Foto: divulgação / Bruno Eduardo Alves


Centro de Oportunidades e Cidadania foi inaugurado ontem na comunidade de Charitas. Além de acesso à internet, espaço vai oferecer cursos na área de informática

A comunidade do Preventório, em Charitas, Zona Sul de Niterói, ganhou ontem um espaço voltado para a inclusão digital e capacitação profissional. O Centro de Oportunidades e Cidadania foi inaugurado pelo prefeito Rodrigo Neves. O local dispõe de um telecentro que, além de acesso à internet, vai oferecer cursos na área de informática, e também salas para cursos que têm como objetivo profissionalizar os moradores para o mercado de trabalho.

O Centro é resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Niterói, por meio das secretarias de Educação, Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Assistência Social, com a organização não governamental Instituto Sete. A entidade atua na comunidade ministrando cursos há sete meses para cerca de 60 alunos da comunidade. Com a inauguração do espaço, o instituto poderá ampliar o número de vagas para cerca de 200 e aumentar o número de cursos oferecidos, contando com a parceria do Senai e Senac.

Entre os cursos que serão ministrados no local estão o de panificação e o de eletrônica, além de aulas de música e pré-vestibular comunitário. Uma das salas do Centro conta com todos os equipamentos para a confecção de pães e para instalação de uma futura padaria comunitária.



O prefeito Rodrigo Neves destacou a importância da parceria e da integração da gestão municipal com a sociedade civil, o meio acadêmico e as associações de moradores em projetos para melhorar a qualidade de vida da população.

“Estou muito feliz de estar aqui. Hoje é um dia marcante porque estamos podendo fazer ainda mais ações na comunidade do Preventório, uma das mais importantes de Niterói. Quero agradecer a todos os voluntários do Instituto Sete, que têm feito um trabalho importante aqui. Nosso entendimento é que a prefeitura tem que fazer sua parte, mas também deve buscar parcerias com as associações de moradores, com as igrejas, organizações da sociedade civil e universidades. É isso que nós estamos concretizando aqui hoje. Uma belíssima parceria para a cidadania. Com esse projeto estamos fazendo um trabalho de prevenção contra a violência, criando caminhos para a juventude, que precisa de oportunidades”, afirmou.

O vice-prefeito, Axel Grael, também ressaltou que o Centro de Cidadania e Oportunidades é um espaço para a transformação da vida dos jovens da comunidade.

“Estamos abrindo mais um equipamento social que promove a integração e a inclusão de jovens dessa comunidade no mercado de trabalho, faz com que se qualifiquem para que possam ter um acesso melhor às oportunidades de emprego. O desafio que nós temos é enorme, não vamos fazer as transformações necessárias à vida das pessoas apenas com o esforço de governo, mas com a integração do trabalho do governo com as organizações com foco especializado, como o Instituto Sete, e com as associações de moradores”, disse Grael.

A secretária municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Flávia Monteiro de Barros, lembrou que o telecentro do Preventório é o quinto inaugurado este ano.

Para o presidente da Associação de Moradores do Preventório, Rafael Sales, a inauguração do telecentro e dos demais espaços para cursos profissionalizantes vai ajudar não só os jovens, mas também os adultos da comunidade.

Preventório – Durante a cerimônia de inauguração do Centro de Oportunidades e Cidadania, o prefeito Rodrigo Neves assinou a autorização da abertura do processo de licitação para a construção de Unidade Municipal de Educação Infantil (Umei), em área cedida pela Universidade Federal Fluminense (UFF), no Preventório. A creche terá capacidade para receber 280 crianças em horário integral. O prédio terá três pavimentos, 14 salas de aula, sala de recursos, sala multimeios e pátio coberto. A construção será sustentável, dotada de energia solar e reuso da água da chuva. As obras começam esse ano para serem concluídas no final de 2015.

Fonte: O Fluminense


---------------------------------------------------

LEIA TAMBÉM:

Morro do Céu ganha Telecentro, novo centro social e tem rua principal recuperada
Telecentro da Clin é reinaugurado
Cidade terá duas Plataformas Urbanas Digitais
Prefeitura de Niterói inaugura Plataforma Urbana Digital no Morro do PalácioCidade digital: Niterói deve ter 125 pontos de Wi-Fi gratuito




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.