sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Focos de incêndio aumentam de três para 21 em menos de 24 horas na cidade de Petrópolis



Encosta em Mata Porcos, no Bonfim: fogo tinha se extinguido, mas voltou na tarde desta sexta-feira - Jaquelina Ribeiro / O Globo

Bombeiros se concentram na luta contra o fogo perto de residências. Serra dos Órgãos já soma 700 hectares destruídos

por


PETRÓPOLIS — Os focos de incêndio florestal em Petrópolis aumentaram de três, na noite de quinta-feira, para 21, até a tarde desta sexta-feira. Segundo o Corpo de Bombeiros da Região Serrana, já foram destruídos pelo fogo mais de três mil hectares — o equivalente a três mil campos de futebol. Só em áreas de reservas, foram 1.150 hectares. Bombeiros combatem as chamas em nove diferentes pontos da cidade. Os outros 12 locais seguem queimando sem controle. Em alguns bairros, o fogo voltou a se aproximar das casas. Os pontos mais preocupantes, de acordo com o comandante da corporação na Região Serrana, coronel Roberto Robadey Júnior, estão nos distritos.

— Temos 200 homens atuando e três helicópteros dando apoio às operações. Uma aeronave da Marinha está em Secretário, onde há muitas propriedades rurais. Os outros dois estão combatendo focos em Araras, Mata Porcos e Bonfim — disse.

O comandante afirma que está priorizando o combate aos incêndios próximos a residências. Segundo ele, no sobrevoo feito na tarde desta sexta-feira, constatou-se a existência de focos em pontos remotos que precisam ser combatidos, mas que só podem ser alcançados por helicópteros. O número de hectares consumidos pelas chamas deve aumentar, afirma o coronel.

— Por conta do risco às residências, nós atuaremos apenas na área urbana. Os focos dentro do parque continuarão sendo combatidos pelas equipes do Instituto Chico Mendes — esclareceu Robadey.


Bombeiros tentam controlar avanço das chamas na Reserva Biológica de Araras - Divulgação / Reserva Biológica de Araras (Rebio Araras)

No Parque Nacional da Serra dos Órgãos, Área de Proteção Ambiental, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, afirmou nesta sexta-feira, segundo o site G1, que 700 hectares de Mata Atlântica já foram destruídos pelo fogo. Até a noite havia quatro grandes focos no interior da unidade.

— A vegetação do parque é importante para entendermos a rapidez destes incêndios. No local existem várias bromélias presas nas rochas. Elas se desprendem em chamas e acabam espalhando o fogo com grande rapidez — explicou a ministra, que considerou a situação do parque delicada.

REFORÇOS CHEGAM NESTE SÁBADO

A ministra adiantou que um helicóptero da Aeronáutica chegará ao parque hoje, por volta das 6h, além de homens especializados no combate ao fogo em locais altos.

Se for preciso, equipes de vários parques nacionais estão prontas para ir até Petrópolis e Teresópolis auxiliar no combate às queimadas, disse a ministra. Aviões da Aeronáutica também darão apoio às operações nos limites da reserva ambiental.

O incêndio começou no domingo passado. Segundo a administração do parque, os primeiros focos surgiram na comunidade do Calembe, em Nogueira. O fogo já atinge uma das áreas de mais difícil acesso, na parte alta do parque.

Fonte: O Globo


--------------------------------------------------

LEIA TAMBÉM:

Queimadas: mitos e verdades

QUEIMADAS EM NITERÓI NO INÍCIO DE 2014
Novo mecanismo para combater incêndios em Niterói 
Guarda Ambiental atua junto com Bombeiros no combate a incêndios em Niterói
Danos causados pelo fogo nas encostas de Niterói (sobrevoo de 10/02/2014)
LUTANDO CONTRA AS QUEIMADAS EM NITERÓI
ATENÇÃO: ALERTAMOS PARA O ELEVADO RISCO DE INCÊNDIOS NAS ENCOSTAS (Niterói)
Rio tem recorde de focos de queimada em 2014 devido à onda de calor

OUTRAS INFORMAÇÕES SOBRE QUEIMADAS
Fiscalização contra crimes ambientais está sendo intensificada em áreas de incêndio florestal
Incêndio que atinge o Parque Nacional da Serra dos Órgãos assusta moradores da região
Área destruída por fogo dentro do Parque Nacional da Serra dos Órgãos chega a 300 hectares
AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE INCÊNDIOS EM VEGETAÇÃO E DIFICULDADE DE CONTROLE EM MEIO À ESTIAGEM PREOCUPAM
Incêndio na mata já destruiu cerca de 2.200 hectares de florestas em Petrópolis
Novo mecanismo para combater incêndios em Niterói 
Incêndios atingem parques da Pedra Branca e do Mendanha
Aproximadamente 98% dos incêndios ocorrem por conta das ações do homem
O que os presidenciáveis propõem (e o que não propõem) para enfrentar as mudanças climáticas
Queimadas: mitos e verdades
Poluição do ar na América Latina
AMAZÔNIA: Pastagens ocupam metade das áreas desmatadas
Controlados incêndios em parques estaduais
Incêndios atingem parques da Pedra Branca e do Mendanha

CAUSAS DOS INCÊNDIOS EM VEGETAÇÃO
Queimadas: mitos e verdades
Presos em operação contra soltura de balões em São Gonçalo
Balão cai em área residencial e provoca destruição em São Gonçalo
CPAm e GAM apreendem balão em São Gonçalo e Maricá neste domingo
Fiscalização no combate aos balões e vários foram apreendidos
Comando de Polícia Ambiental interdita fábrica de balões em Maricá
INEA FARÁ CAMPANHA DE FISCALIZAÇÃO CONTRA BALÕES
Criminosos soltam balões em plena situação crítica de incêndios
Muitos focos de queimadas em Niterói. Responsáveis pelos incêndios serão investigados
Crime ambiental: fiscalização aperta o cerco contra baloeiros
Crime ambiental: hoje de manhã, 20 balões sobre Niterói
Incêndio criminoso na Serra da Tiririca, em Itaipuaçu
Rio tem recorde de focos de queimada em 2014 devido à onda de calor


DANOS AMBIENTAIS E À SAÚDE CAUSADOS PELAS QUEIMADAS:
QUANTO CUSTA PRESERVAR A MATA ATLÂNTICA?
O QUE O DESMATAMENTO TEM A VER COM A SUA TORNEIRA?
Quanto vale uma árvore?
Poluição do ar causou a morte de sete milhões de pessoas em 2012
Corte seletivo e fogo fazem Floresta Amazônica perder 54 milhões de toneladas de carbono por ano
Queimadas: mitos e verdades
NASA: Fogo na Amazônia (2010) gerou mais CO2 para a atmosfera que as emissões anuais da India
Câmara dos Deputados discutirá poluição atmosférica nas grandes cidades
Desmatamento da Amazônia emite mais do que o dobro de CO2 dos carros
Exposição excessiva à poluição do ar aumenta em 34% o risco um AVC, diz estudo
Fumaça de queimadas causa a morte de 339 mil pessoas/ano no mundo Como o Brasil, toda a América Latina passa por sérios problemas climáticos
Brasil deve esquentar pelo menos 3°C até 2100
Guarda-parques empossados fazem treinamento para atuar em UC estaduais
Cada árvore da Mata Atlântica chega a retirar 163 kg de CO2 da atmosfera

Outros temas relacionados às queimadas
EPA emissions limits? Brazil sees potential gains.
Desmatamento eleva em 100 vezes o custo do tratamento da água

Ilhas de calor:
Blog do AXEL GRAEL: O efeito das ilhas de calor urbano
Blog do AXEL GRAEL: Calor, frescor e os ventos
‘Ilhas de calor’ na capital paulista causam temporais mais fortes do que no resto do estado

Acesse a Cartilha educativa contra balões dos Bombeiros RJ






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.