domingo, 29 de março de 2015

BICICLETAS: MERCADO ESTÁ AQUECIDO COM IMPLANTAÇÃO DE CICLOFAIXAS




Texto: Aline Balbino
Foto: Marcello Almo


O Brasil ocupa a quinta posição como maior mercado consumidor de bicicletas no mundo de acordo com a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo). Em Niterói a situação também é promissora. A Federação de Ciclistas do Estado do Rio de Janeiro (Fecierj) estima um aumento de aproximadamente 30% de vendas entre os anos de 2013 e 2014 em Niterói. De acordo com Cláudio Santos, presidente da Federação, deve aumentar entre 20 e 30% a compra de bikes até 2016.

Cláudio Santos acredita que o grande número de pessoas comprando bicicletas deve-se à qualidade das ciclovias e ciclofaixas em Niterói. Para ele, as vias estão mais adaptadas para quem quer ser andar de bike.


Há valores, cores e tipos diversos de bicicletas para todos os gostos. Há bicicletas que custam R$ 300 e algumas que custam R$ 20 mil, essas são ideais para competidores. Cláudio Santos acredita que o grande número de pessoas comprando bicicletas deve-se à qualidade das ciclovias e ciclofaixas em Niterói. Para ele, as vias estão mais adaptadas para quem quer ser andar de bike.

“As pessoas estão se adaptando a andar de bicicleta. Hoje, em pouco tempo, vi muita gente de bike entrando nas barcas. Há dois anos isso não era visto. Temos avançado em melhorias. Tenho uma loja de bicicleta e registramos um aumento assustador de vendas, em mais de 30%”, disse.

Tenho uma loja de bicicleta e registramos um aumento assustador de vendas, em mais de 30%”, disse.


De acordo com a Prefeitura de Niterói em pouco mais de um ano e meio, foram implantados outros 15 quilômetros de malha cicloviária. A expectativa é que sejam instalados mais 100 km de ciclovia em dez anos. Além da implantação gradativa da malha cicloviária, Niterói já adquiriu 350 bicicletários, que já começaram a ser implantados, permitindo o estacionamento de 700 bicicletas. Além destes, foram adquiridos mais 260 unidades pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (Seconser), através do contrato do novo mobiliário urbano de Niterói. Portanto, no total, serão disponibilizados, a curto prazo, 1.220 vagas para bicicletas.

Fonte: A Tribuna






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.