domingo, 29 de março de 2015

SEGURANÇA PÚBLICA EM NITERÓI - Câmeras vão identificar bandidos e acionar PM



CISP - Centro Integrado de Segurança Pública, que está em construção na Região Oceânica. No mesmo prédio funcionará o CCO - Centro de Controle Operacional, que controlará o trânsito na cidade e as ações da Defesa Civil..


Vinicius Rodrigues

A partir de maio, Niterói terá quarenta equipamentos instalados nas ruas também serão capazes de reconhecer situações de risco. Informação é do coronel do 12º BPM

A partir de maio, Niterói contará com mais um recurso para tentar garantir a diminuição da criminalidade na cidade, das 400 câmeras que serão instaladas e que farão parte do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), 40 terão tecnologia de reconhecimento facial e vão identificar criminosos que tenham passagem pela polícia. A informação foi dada pelo coronel Gilson Chagas, comandante do 12º BPM (Niterói), que esclareceu ainda que essas câmeras inteligentes serão capazes de acionar viaturas da Polícia Militar.

A tecnologia das câmeras que serão espalhadas em Niterói segue o mesmo modelo de identificação do Centro Integrado de Monitoramento de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. Quem alimentará o banco de dados com as características e informações de pessoas que já tenham alguma passagem na polícia, é a própria Polícia Civil.

“Esse sistema, que tivemos a oportunidade de conhecer em São Bernardo do Campo, nos dá a possibilidade de deixarmos programados aquilo que consideramos ser situações de risco. Por exemplo: se um carro passa na mesma rua, dando voltas no quarteirão em um intervalo pequeno de tempo, será considerado suspeito. As grandes cidades do mundo funcionam com o sistema de monitoramento de câmeras voltados para a segurança pública. A ideia é que tenhamos também portais nas saídas da cidade para identificarmos, por leitura de caracteres, os veículos que são roubados ou furtados”, disse Chagas, ressaltando que a parceria entre o Executivo e a PM tem sido primordial para um avanço na segurança pública de Niterói.


Coronel Gilson Chagas, comandante do 12º BPM (Niterói) Foto: Armando Paiva

Para o estrategista em segurança e especialista em Sistema de Informação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Henrique Munaretto, o rosto humano, apesar das variações de pessoa para pessoa, possui uma composição básica que não se altera, lida pelos aplicativos como pontos em comum, que variam de acordo com a complexidade do sistema.

“Normalmente quando nós utilizamos logaritmos e softwares que mapeiam esse padrão nas pessoas, é possível registrar apenas o rosto ou todos os movimentos e empregá-los nas mais diversas funções. As câmeras possuem o mesmo princípio: detectar um rosto em formas geométricas e logarítmicas e então montá-lo como em um quebra-cabeça. A forma mais básica desse sistema é a câmera de celular, que faz o reconhecimento facial em alguns aparelhos”, explicou.

Alerta – Segundo informou o coordenador do curso de bacharelado em Segurança Pública da Universidade Federal Fluminense (UFF), Lênin Pires, qualquer tipo de tecnologia à disposição da Polícia não pode ser substituída por ações e estratégia de quem é responsável por monitorar todo o aparato de segurança. Para o especialista, não pode haver a substituição de homens por máquinas.

“A inteligência tem que ser de quem está por trás das câmeras. É importante saber como vai funcionar toda essa orquestra. Além disso, a tecnologia não poderá negligenciar as ações e a particularização da informação. Isso que precisa mudar em Segurança Pública. Com isso, aí sim pode comprar o equipamento que for, que nos daremos ao luxo de ter esse material como apoio e não como solução”, defendeu.

Ainda de acordo com o especialista, nenhum tipo de tecnologia pode substituir também o que ele chama de “know-how” dos operadores.

“Ter uma base de dados bem alimentada é fundamental. É certo que Niterói vai estar muito bem servido desses aparatos de segurança e cabe a cada um fazer a sua parte”, ressaltou.

O edifício também será sede da Administração Regional da Região Oceânica e do Centro de Controle Operacional (CCO), que vai monitorar o trânsito na cidade.


Funcionamento – Segundo a Prefeitura de Niterói, além das câmeras, a cidade contará com um sistema de acionamento emergencial do Cisp – os chamados “botões do pânico”, que já tem alguns pontos definidos. Serão instalados em 80 bases, como as cabines recém-reformadas que integram a Guarda Municipal e a Polícia Militar, escolas de grande porte, unidades de saúde, prédios da administração pública, como a Prefeitura, universidades, terminal das barcas e a rodoviária, entre outros.

Em cada um deles, haverá um responsável pelo acionamento desse botão, permitindo o chamado imediato das forças de segurança. Além disso, todos os veículos da segurança pública serão conectados ao Cisp e poderão ser acionados 24 horas por dia, seja a partir da identificação de necessidade pelas câmeras ou pelo acionamento feito pelos cidadãos via central telefônica.

No prédio do Cisp, que será coordenado pela Secretaria de Ordem Pública de Niterói, ficarão lado a lado representantes das polícias Civil, Militar, Federal e Rodoviária Federal, da Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Samu e NitTrans. O edifício também será sede da Administração Regional da Região Oceânica e do Centro de Controle Operacional (CCO), que vai monitorar o trânsito na cidade.

Fonte: O Fluminense


-----------------------------------------------------------

LEIA TAMBÉM:

SAIBA MAIS SOBRE O CISP
Câmeras de monitoramento do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) começam a ser instaladas este mês
Câmeras de monitoramento do Cisp começam a ser instaladas em março
Sistema de monitoramento de Niterói contará com 450 câmeras e 80 botões de pânico
Vistoria nas obras do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp)
Obra de construção do CISP - Centro Integrado de Segurança Pública começa a ganhar corpo
Prefeitura inicia obras do CISP que visa monitorar a cidade
PREFEITURA DE NITERÓI ANUNCIA A CONSTRUÇÃO DO CENTRO INTEGRADO DE SEGURANÇA PÚBLICA
Niterói terá R$ 3,5 milhões para centro de segurança
Câmara de Niterói aprova captação de recursos junto ao BID para investimento em infraestrutura
Prefeitura busca novas parcerias com o governo federal nas áreas de segurança e meio ambiente
Prefeito em exercício visita Centro de Comando e Controle do Estado e acompanha teste de sirenes
Começa a implantação de sirenes de alerta em Niterói
Senado aprova liberação de recursos do BID para Niterói

SAIBA MAIS SOBRE AS AÇÕES DA PREFEITURA NA ÁREA E SEGURANÇA
Cabine da Polícia Militar em São Francisco será reformada
Parceria garante mais R$ 104 milhões para obras em Niterói
Em reunião com o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, secretário Beltrame diz que cidade receberá novas companhias destacadas
Implantação de Companhias Destacadas começa a gerar resultados
Prefeitura inaugura Telecentro e centro de oportunidades para jovens no morro do Cavalão
Morro do Cavalão ganha Companhia Destacada nesta segunda-feira
Especialistas falam sobre o medo e o perigo dos boatos em meio a violência
Prefeitos de cidades do Leste Fluminense debatem onda de boatos
Reforço de mais cem homens e Companhia Destacada no Fonseca
RJTV 2a EDIÇÃO: "Governo anuncia reforço no policiamento em Niterói"
Beltrame anuncia novas companhias da PM em Niterói para conter onda de violência
Prefeitura de Niterói vai investir R$ 70 milhões em Saúde, Educação, Ordem Pública e Mobilidade
Prefeitura de Niterói e governo estadual inauguram Companhia Destacada da PM no Morro do Cavalão

GUARDA MUNICIPAL
Prefeitura de Niterói inicia obras da nova sede da Guarda Municipal, no Barreto
Prefeitura conclui licitação para construção da nova sede da Guarda Municipal
Guarda Municipal de Niterói mostra nova identidade visual durante desfile cívico de Sete de Setembro
Prefeitura de Niterói anuncia plano de carreira para a Guarda Municipal
Inscrições para concurso da Guarda Municipal de Niterói estão abertas até o dia 11 de junho
Guarda Municipal apoiará Polícia Militar na apreensão de motos irregulares
Reunião do GGIM: Blitzes conjuntas da Guarda Municipal e da PM serão intensific​adas na cidade
Prefeitura de Niterói reforça a presença da Guarda Municipal nas ruas 
Nova realidade e mais segurança na Praça do Vital Brazil
Mais guardas municipais no entorno das escolas de Niterói

OUTRAS
Prefeito de Niterói pede batalhão da PM exclusivo para município

CCO - Centro de Comando e Controle
Prefeito em exercício visita Centro de Comando e Controle do Estado e acompanha teste de sirenes
Programa de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Social de Niterói (PRODUIS): conheça o escopo do projeto financiado pelo BID

DEFESA CIVIL EM NITERÓI
Sistema de alerta de sirenes começa a funcionar em Niterói
Defesa Civil de Niterói: trabalho em várias frentes para fazer de Niterói uma cidade mais segura
DEFESA CIVIL: Prefeitura define procedimentos para atuar em emergências de deslizamentos de encostas e alagamentos
I Seminário da Defesa Civil de Niterói reforçou parcerias
Defesa Civil instala sirenes de alerta em 25 comunidades
Defesa Civil de Niterói: trabalho em várias frentes para fazer de Niterói uma cidade mais segura
Município de Niterói recebe primeiros pluviômetros automáticos
Começa a implantação de sirenes de alerta em Niterói

VEJA TODAS AS POSTAGENS SOBRE DEFESA CIVIL NO BLOG DO AXEL GRAEL

SAIBA MAIS SOBRE O PRODUIS (Financiado pelo BID)
Vice-prefeito abre Missão de Arranque de projeto financiado pelo BID em Niterói
PREFEITURA ASSINA CONTRATO DE R$ 65 MILHÕES COM O BID PARA INVESTIR NA INFRAESTRUTURA DE NITERÓI
Prefeitura de Niterói assina financiamento do BID nesta sexta-feira
Senado aprova liberação de recursos do BID para Niterói
senado aprova financiamento de r$ 65 milhões do bid para niterói
Prefeitura de Niterói estrutura-se para receber financiamento do BID
Niterói perto de US$ 26 milhões do BID para investimentos na cidade
Blog do AXEL GRAEL: Prefeito de Niterói recebe nova missão do BID

Conheça o escopo do projeto a ser desenvolvido com recursos do BID.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.