segunda-feira, 20 de maio de 2013

Evento preparatório para a Jornada Mundial da Juventude, Bote Fé leva 70 mil pessoas à praia de Icaraí


Com o arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta.

Com o arcebispo de Niterói, Dom José Francisco.

Prefeito Rodrigo Neves diz que Niterói vai hospedar cerca de 60 mil jovens e deve receber 250 mil pessoas durante a JMJ, em julho

Niterói deu o pontapé inicial para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Setenta mil pessoas estiveram presentes neste domingo (19/5), na praia de Icaraí, acompanhando o Bote Fé, primeiro grande evento preparatório para a JMJ, que acontece em julho, no Rio de Janeiro.

O Bote Fé marcou a chegada da Cruz Peregrina, principal símbolo da Jornada, que foi trazida de barco para a praia de Icaraí e foi colocada em um palco onde foi realizada uma grande missa rezada pelo arcebispo da cidade, Dom José Francisco.

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, acompanhou toda a missa ao lado da primeira-dama, Fernanda Sixel, e do vice-prefeito Axel Grael. Ele disse ter ficado muito orgulhoso da realização do Bote Fé na cidade.

"É com grande satisfação que Niterói recebe esse último grande evento antes da Jornada, que é uma mobilização de milhões de pessoas, jovens, em torno dos valores da solidariedade, da fraternidade, causas que nós defendemos e são muito importantes para a sociedade brasileira e de Niterói. O Bote Fé foi um sucesso", disse Rodrigo Neves.



O prefeito afirmou que Niterói realizará vários eventos durante a JMJ e que a cidade vai se transformar em uma outra sede do evento.

"Depois do Bote Fé, estou achando que Niterói vai ser quase que uma sede da Jornada. A população de Niterói é muito acolhedora. Nós vamos realizar 20 eventos simultâneos na cidade durante a Jornada, no Caminho Niemeyer, vamos ter shows, vamos ter eventos no Teatro Municipal, exposição de arte sacra nos nossos museus. Niterói deverá ser a primeira cidade depois do Rio de Janeiro a receber mais visitantes. Devemos hospedar cerca de 60 mil jovens e receber 250 mil pessoas e nós vamos acolher esses peregrinos com muito amor. Niterói vai estar bastante integrada a esse evento maravilhoso", afirmou o prefeito, que citou ter participado da última edição da JMJ, em Madrid, na Espanha, em 2011.

Rodrigo Neves lembrou que, em janeiro, criou uma comissão municipal, com a participação de diversas secretarias, que está planejando as ações da Prefeitura para a JMJ. Afirmou que está conversando com a Secretaria de Segurança Pública sobre o planejamento da segurança da Jornada. O prefeito disse também que firmou parcerias com a Prefeitura do Rio na organização de grandes eventos, que inclui também a Jornada Mundial da Juventude.




Agradecimentos

Durante a missa, o arcebispo de Niterói, Dom José Francisco, agradeceu o apoio da Prefeitura de Niterói ao evento, lembrando da comissão municipal criada por Rodrigo Neves que ajudou na organização. Ele destacou a importância do Bote Fé para a cidade.

"Meu coração de bispo está muito feliz por acolher tantos jovens em nossa cidade e por realizar o Bote Fé, último grande evento antes da Jornada Mundial da Juventude. Nós acolhemos a Cruz Peregrina e a imagem de Nossa Senhora, símbolos que nos animam para a Jornada, quando teremos a alegria de acolher o papa Francisco", disse o religioso.

O arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta, também esteve presente no evento e conversou com o prefeito Rodrigo Neves.

"Niterói terá participação efetiva na Jornada, vai hospedar pessoas, como também bispos e padres. A cidade terá uma grande adesão pela proximidade com o Rio de Janeiro", disse.

A Cruz Peregrina chegou à praia de Icaraí por volta das 17h20 junto com o Ícone de Nossa Senhora. Antes, duas bandas religiosas, Frutos de Medjugorje e Missionário Shalom animaram o público que lotou as areias da praia de Icaraí.


Central de Monitoramento Móvel.
Atuação da Prefeitura de Niterói

A Prefeitura montou um esquema especial para ajudar na segurança do evento. O destaque ficou por conta da instalação de uma Central de Monitoramento Móvel, com 32 câmeras, que captavam imagens sobre a movimentação das pessoas na praia. Essas informações eram transmitidas para uma central, onde um guarda municipal as recebia e acionava as equipes e outros órgãos em caso de necessidade de alguma intervenção.

Ao todo 120 guardas municipais trabalharam no evento. Foram aplicadas 120 multas por estacionamento proibido e mercadorias irregulares foram apreendidas com ambulantes.
 
Fotos: Luciana Carneiro e Péricles Rodrigues


Fonte: Prefeitura Municipal de Niterói

--------------------------------------------------------------
Veja também: Fotos do evento católico Bota Fé, em Niterói: 70 mil pessoas reunidas na Praia de Icaraí



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.